Riachuelo lança nova linha de lingerie plus size

Em linha com a tendência da democratização da moda, que vem invadindo marcas do Brasil e do mundo, a rede de lojas de departamento, Riachuelo, acaba de lançar uma nova linha de lingerie plus size. As peças têm preços acessíveis e seguem as tendências da moda mundial, conforme o padrão da rede, e estão disponíveis em lojas físicas selecionadas e online.

A linha de lingerie plus size da Riachuelo é composta de peças modernas e confortáveis, com detalhes em renda, e possui alças mais largas, elástico no tórax e lateral reforçada. Além disso, o bojo é macio e a modelagem feita para trazer maior segurança. Os tamanhos vão do 46 ao 52 e os preços vão de 24,90 reais, uma calcinha, e 49,90 reais, um sutiã.

Segundo a gerente de estilo da Riachuelo, Maria Fernanda Michelin, “os modelos valorizam o corpo da mulher com cores vibrantes e detalhes. A linha segue o posicionamento da empresa, que é democratizar a moda para todos”.

A coleção de lingerie plus size da Riachuelo está disponível atualmente em 132 lojas da marca em todo o Brasil e também no e-commerce da marca.

A novidade da Riachuelo é uma iniciativa que vem de encontro com uma tendência de marcas e designers em busca da democratização da moda. Lojas como Marisa, Renner, e Pernambucanas também têm aumentado a oferta de peças plus size e, na terça-feira (5), o estilista brasileiro Alexandre Herchcovitch informou através de sua conta no Instagram que vai lançar em novembro a sua primeira linha plus size em parceria com a marca especializada em tamanhos maiores, Elegance All Curves.

Na semana passada, foi realizada em São Paulo, no Centro de Convenções Frei Caneca, a 16ª edição da Fashion Week Plus Size, organizada pela blogueira Renata Poskus. O evento, que tem duas edições anuais (Primavera/ Verão e Outono/ Inverno) e acontece no mesmo período da São Paulo Fashion Week, teve desfiles das coleções de 13 marcas brasileiras de moda feminina e masculina, palestras e debates sobre moda e saúde.

Segundo dados da empresa lemi, cedidos à Folha de São Paulo, 30% das 19.439 empresas brasileiras de moda feminina produzem tamanhos plus size, e este mercado deve crescer 8,2% ainda este ano.